segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Minhas primeiras experiências teatrais

As primeiras cenas de teatro que assisti foi de Pastor no povoado onde nasceram meus bisavós, avós e meus pais, Santanhinha, na época pertencia ao município de Guimarães, atualmente ao município de Cedral. Até meus treze anos passava todos os finais de ano nessa localidade e todo os anos, eram montados pastor ou em Santanhinha ou nos povoados vizinhos.

Em São Luís nesse período da minha ínfância e pré-adolescencia assisti comédias realizadas em salas de residências de vizinhos e em circos. Mas nunca havia me despertado para um dia vir a ser ator.

Lembro-me que a primeira vez que vi um espetáculo que me chamou a atenção, devia ter uns sete anos de idade, foi num quarto de um prédio de cortico na rua de Nazaré equina com a rua da Estrela (o prédio acima). Tinhamos ido visitar um parente de minha avô, eu e minha irmã. Ao chegarmos lá uma pessoa veio anunciar que haveria uma apresentação teatral num dos quartos, mais precisamente um circo.
Lembro-me ainda hoje, a cena foi montada encima de uma cama, com os lençõis servindo como rotundas e pano de boca do palco. As crianças sentadas no chão e os atores por traz do pano, que quando abriu surgiu os palhaços devidamente caracterizados, com figurino e tudo.
Isso fascinou a nós todos, inclusive a mim e minha irmã que resolvemos fazer o mesmo na nossa casa, a partir daí o teatro entrou em nossa vida. 

Nunca soubemos o nome das pessoas que fizeram essa mágica em nossas vidas.

Reisado Careta Encanto da Terra

 Brincantes

O Reisado Careta Encanto da Terra, é da cidade de Caxias do bairro Campos de Belém. 
 Nega-Véia

O grupo é formado por trabalhadores rurais e tem como diretor do grupo Seu Sebastião Chinês. Como trabalhadores colocam linhas de roça em terrenos partilhados com outros agricultores, em interiores próximos as suas casas. Também, se dedicam à colheita, quebra e extração do azeite e do coco de baçacu.
 Músicos

O Reisado Careta é uma manifestação da cultura popuar maranhense com teatro, dança, música, canto e poesia realizada por agricultores da região do Médio Itapecuru, sertão leste do Maranhão, especialmente na cidade de Caxias.
 Músicos

 A festa louva Santo Reis e acontece em forma de jornada simbolizando o caminho feito pelos Três Reis do Oriente desde a noite do dia 25 de dezembro até o dia 6 de janeiro, quando chegaram a Belém.
 Brincantes

As personagens variam de grupo para grupo, pode entrar em cena:
- os animais:  burrinha, o boi, o galo, a ema, o babau;
- seres humanos como a Nega-Véia;
- seres fantásticos como o jaraguaia e os caretas.
 Galo
Os intrumentos musicais variam entre a sanfona, rabeca, banjo, viola, pandeiro, triângulo e tambor.
 Ema
 Careta
Imagens: Renato Pereira


Fonte: O Estado do Maranhão. Alternativo: 26.01.2012. pg. 5